quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011

Mais um desabafo


" Não me prendo a nada que me defina!
 Sou companhia mas posso ser solidão... tranquilidade e inconstância, pedra e coração. 
Sou abraços, sorrisos, ânimo, bom humor, sarcasmo, preguiça e sono. 
Música alta e silêncio! 
Serei o que você quiser, mas só quando eu quiser
Não me limito, não sou cruel comigo! 
Serei sempre apego pelo que vale a pena e desapego pelo que não quer valer. 
Suponho que me entender não é uma questão de inteligência e sim de sentir, de entrar em contato... ou toca, ou não toca!"

                                                    Clarice Lispector.


Queria por uma música, uma foto, mas não deu e não dá, quem sabe em outro momento ...

sexta-feira, 11 de fevereiro de 2011

Meu Hino!!!!!



Sabe quando vc encontra uma música  que vc quer gritar com toda a força e ar que existe em seus pulmões???
Ontem uma pessoa que amo muito me deu uma música para eu postar aqui no blog, ouvi, li a tradução e adorei!! No entanto, hoje eu não consigo parar de ouvir e quero gritar cada palavra da música. Em cada trecho sinto algo crescer dentro do mais profundo de meu ser. Sinto que ela expressa exatamente o que eu preciso,  quero e sou.... Simplesmente peguei a música como meu HINO!!!
 Chega de falar e vamos a tradução da música!! 

Desejo que, se alguém ler este post, sinta essa música assim como eu a senti e sinto.


Cresci numa pequena cidade
E quando a chuva caía 
Eu apenas olhava pela janela
Sonhando com o que poderia ser
E se eu terminaria feliz
Eu rezaria

Tentando o máximo alcançar
Mas quando eu tentei falar
Senti como se ninguém pudesse me ouvir
Queria fazer parte  daqui
Mas algo parecia estar tão errado aqui
Então eu rezei para que eu pudesse escapar

Eu abrirei minhas asas 
E aprenderei a voar
Eu farei o que for necessário
Até tocar o céu
E farei um pedido, arriscarei, mudarei
e me libertarei

Fora da escuridão 
E dentro do sol
Mas eu não esquecerei as pessoas que amo
Correrei o risco, arriscarei, mudarei
e me libertarei

Quero sentir a brisa quente
Dormir embaixo de uma palmeira
Sentir o agito do oceano
Subir num trem rápido
Viajar num jato 
Para longe e me libertar

Edifícios com centenas de andares
Passando por portas giratórias
Talvez eu não saiba para onde elas me levarão, mas
Tenho que continuar, continuar
Voar para longe, me libertar 

Eu abrirei minhas asas 
E aprenderei a voar
Apesar de não ser fácil 
Te dizer adeus
Eu tenho que correr o risco, arriscar, mudar
e me libertar

Fora da escuridão e dentro do sol
Mas não me esquecerei do lugar de onde eu vim
Eu tenho que correr o risco, arriscar, mudar
e me libertar
libertar




Da série: Liberdade rs


Mais uma música que conhecia, mas não recordava ...rsrs
Hoje recebi um texto daqueles textos que faz com  que vc pare e pense, sobre diversas coisas na vida e fiquei até agora ( 1h10 da manhã) querendo um música que eu pudesse me ver, assim como me vi no texto...
Diferente dos outros posts, segue a música (que também me foi "dada") e o texto... Simplesmente adorei ambos! Obrigada :)





quinta-feira, 3 de fevereiro de 2011

Liberdade


Quando falamos de liberdade o que realmente desejamos???  O que realmente queremos?? O que essa palavra nos leva a pensar???

“Liberdade é pouco. O que desejo ainda não tem nome.”
                                                                       ( Clarice Lisector)

Não me arrependo de quase nada do que fiz… somente de fazer os que amo e que me amam sofrerem por conseqüência de UMA decisão. Tenho minhas falhas, cometo erros, muitos achando que acertaria, outros sabendo que vou errar, mas sou HUMANA!!!!! Não nasci pronta, talvez nunca esteja pronta para muitas coisas, mas respeite-me!!!! Aprendi a pensar, pensar, pensar e pensar  antes de qualquer atitude…  O que pode ser cedo para um, para outro não é... Sei que sou julgada em todas as minhas atitudes. Sei que sempre serei julgada se a tomo, ou não...
Posso não ser clara em tudo o que falo, sinto ou desejo, mas não minto. Sei que a verdade dói muito mais que uma inverdade, uma omissão, uma mentira, porém, não mudarei meu jeito de ser, não mudarei o QUE SOU, para agradar ninguém!
Não adianta dizer que não faço jus ao que eu sempre preguei, pois o que eu REALMENTE sou NINGUÉM sabe, nem NUNCA saberá, pois não darei essa liberdade... Apenas Aviso: somente olhe em meus olhos e obterá todas as respostas!!!!!
 Não me pressione para saber coisas que vão lhe machucar, julgue-me se quiser, mas eu sou o que sou... Não mudei, apenas nunca viram o que eu sou de verdade, ou talvez eu nunca permitir que vissem... OU PIOR nunca quiseram ver ...
Muito ainda tenho/quero que  fazer, viver, aprender… Sei que estou no caminho, se ele é certo ou errado, só as conseqüências/resultados  me dirão…